Welcome to AikiWeb Aikido Information
AikiWeb: The Source for Aikido Information
AikiWeb's principal purpose is to serve the Internet community as a repository and dissemination point for aikido information.

Sections
home
aikido articles
columns

Discussions
forums
aikiblogs

Databases
dojo search
seminars
image gallery
supplies
links directory

Reviews
book reviews
video reviews
dvd reviews
equip. reviews

News
submit
archive

Miscellaneous
newsletter
rss feeds
polls
about

Follow us on



Home > AikiWeb Aikido Forums
Go Back   AikiWeb Aikido Forums > Foreign Language Aikido Discussions > Portuguese

Hello and thank you for visiting AikiWeb, the world's most active online Aikido community! This site is home to over 22,000 aikido practitioners from around the world and covers a wide range of aikido topics including techniques, philosophy, history, humor, beginner issues, the marketplace, and more.

If you wish to join in the discussions or use the other advanced features available, you will need to register first. Registration is absolutely free and takes only a few minutes to complete so sign up today!

Reply
 
Thread Tools
Old 08-10-2015, 01:51 AM   #1
kimusubi0
 
kimusubi0's Avatar
Dojo: Centro em Movimento, Lisboa
Location: Linda-a-Velha
Join Date: May 2001
Posts: 85
Portugal
Offline
Reflexão sobre o ensino do Aikidô

O "movimento de Aikidô", ou melhor o Aikidô, deve ser capaz de explicitar intuição e espontaneidade. É importante validar em nós e na nossa pratica, esta espécie de "inteligência da linguagem" nascente ou em realização. Quando conseguimos estudar o Aikidô sintonizado à vida e a esta "inteligência da linguagem", é pertinente evitar um género de essencialismo ingénuo, que leva a acreditar que na linguística (ou Aikidô) a regra fica antes da língua.
Quando experimentamos reger, ensinar ou organizar o Aikidô, sem compreender algumas regras intrínsecas, com vista a atingir mudanças específicas, mudanças mensuráveis, sem outras considerações, nem sempre é fácil compreender rapidamente, a enorme diferença entre disciplina e endoutrinamento.
Devido a uma certa separação entre o que fazemos e o que somos profundamente, muitas vezes sofremos fracassos retumbantes, ou estamos infelizes sem realmente reconhecer as razões profundas. Somos apanhados pela aparência das coisas, sem compreender o fundo das questões.
Somos algumas vezes asfixiados por uma ansiedade, que parece indeterminada, mas que pode nascer de "um devir suspenso" que não consegue encontrar no mundo, um caminho ou meio aceitável para se realizar. E quando são instaladas, duma forma desmedida, "as exigências" desta sociedade narcísica, esta tensão já desagradável, pode chegar a ocupar o nosso espaço vital.
Compreendido e integrado, o aspecto regulatório da nossa vida interior, não deveria ser omitido no acto de aprender algo, mas é verdade que nem sempre é fácil adaptar-se a esta realidade.
Apanhados pelo jugo "do querer", somos muitas vezes ignorantes e emocionalmente reactivos. Quando absorvidos por certas facetas dos fenómenos, escapa-nos em geral uma dimensão interior. A título de exemplo: não chegamos a integrar naturalmente e convenientemente no nosso presente: calma e actividade, distância justa, proporção, efeito de escala, o jogo do espaço/tempo, harmonia, etc.
Dominados pela reactividade, sem conseguir distinguir o essencial do supérfluo, podemos chegar à uma certa irracionalidade e desenvolver mecanismos (conscientemente ou não) que controlamos cada vez menos, sem verdadeiramente compreender a sua real dimensão e os problemas levantados a breve prazo.
Conceber, teorizar e/ou querer desenvolver um corpo artificialmente separado da consciência (ou do que lhe resta, igual ao autómato), equivale a adoptar a heteronímia (que recebe as leis do exterior, em vez de as ir buscar em si mesmo), em vez de uma sã autonomia e resiliência que vai fundamentalmente buscar os seus recursos nas profundezas de si mesmo.
A compreensão de um mundo polar, onde movimento e imobilidade são características aceites sem dificuldade, permite também levar em conta a regra importante da homeostasia aplicada a diferentes níveis da organização da vida no corpo, ligado ao seu meio que diz: "Todo o sistema deixado a si próprio, na ausência de uma qualquer perturbação, retorna espontaneamente (após um certo tempo) ao seu ponto de equilíbrio, através de numerosos processos reguladores". Esta descrição confirma até que ponto somos interdependente, com tudo aquilo que nos rodeia, como da nossa indispensável e cautelosa contribuição, para manter um equilíbrio saudável em vários níveis.
A perspectiva de ajustar-se a uma vida cheia e interessante, convida a presença, validando um "estado de consciência" (sem pensar) ligado à escuta despegada e inteligente de nós próprios com aquilo que nos rodeia, e permite indirectamente uma ponderação diferente e inabitual das nossas acções, participando assim a uma harmonia não limitada a interesses pessoais.
Respeitar o "shin" (o espírito) do Aikidô (não separar artificialmente o mundo exterior do mundo interior) não corresponde realmente a uma contabilidade ou a qualquer coisa que coleccionamos.
Como o tinha desejado o seu fundador, praticar Aikidô aparenta-se a uma maneira de ser e indirectamente de saber.

Jean-Marc
____________

"Tu as le droit à l'action, mais seulement à l'action, et jamais à ces fruits; que les fruits de tes actions ne soient point ton mobile; et pourtant ne permets en toi aucun attachement à l'inaction. Bh G"
  Reply With Quote

Please visit our sponsor:

AikiWeb Sponsored Links - Place your Aikido link here for only $10!



Reply


Currently Active Users Viewing This Thread: 1 (0 members and 1 guests)
 
Thread Tools

Posting Rules
You may not post new threads
You may not post replies
You may not post attachments
You may not edit your posts

vB code is On
Smilies are On
[IMG] code is Off
HTML code is Off

Similar Threads
Thread Thread Starter Forum Replies Last Post
Post Modern Aikido? Mark Freeman General 36 07-17-2013 12:21 PM
Integrity in our Aikido Community Marc Abrams Announcements & Feedback 41 02-14-2012 05:14 PM
Transmission, Inheritance, Emulation 14 Peter Goldsbury Columns 38 07-31-2009 11:19 PM
Aikido in Amsterdam, Terry Lax style... tiyler_durden General 11 11-03-2008 08:31 AM
AikiWeb Raffle for Mary Heiny Sensei akiy General 68 05-27-2008 10:37 AM


All times are GMT -6. The time now is 01:54 PM.



vBulletin Copyright © 2000-2015 Jelsoft Enterprises Limited
----------
Copyright 1997-2015 AikiWeb and its Authors, All Rights Reserved.
----------
For questions and comments about this website:
Send E-mail
plainlaid-picaresque outchasing-protistan explicantia-altarage seaford-stellionate